5 de outubro de 2008

Cancelados registros de Prexige e Arcoxia


Crônica de uma morte anunciada.

A anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) já estava preparando o terreno contra o Prexige e o Arcoxia desde julho, quando resolveu reavaliar a segurança dos antiinflamatórios não esteróides inibidores da ciclooxigenase. O Arcoxia já havia sido barrado pela FDA (a agência reguladora de medicamentos e comida dos EUA) por aumentar o risco de doenças do coração. Já se esperava que o Brasil fosse seguir a mesma orientação.

Então, se você é um "avariado" como eu e necessita de antiinflamatórios frequentemente, vai lá o aviso: a Anvisa cancelou o registro dos medicamentos Arcoxia e Prexige. Assim, estão suspensos em todo país a comercialização e uso do Prexige 400mg (Lumiracoxibe), da Novartis e Arcoxia 120mg (Etoricoxibe) da Merck Sharp e Dohme.

Os antiinflamatórios suspensos foram amplamente indicados ao serem lançados por serem menos agressivos ao estômago e provocarem menor incidência de gastrite ou úlcera que os diclofenacos potássico e sódico. Contudo, segundo os especialistas da anvisa, os riscos dos medicamentos superam os seus benefícios, principalmente o Prexige que apresenta reações adversas hepáticas graves.

Outras medidas foram tomadas quanto a comercialização dos antiinflamatórios não esteóides inibidores da ciclooxigenase (Cox 2) - como reclassificação dos medicamentos que a partir de agora somente poderão ser comercializados com retenção de receita. O antiinflamatório Prexige tinha indicações aprovadas para tratamento de osteoartrite (um tipo de artrite), da dor aguda e cólica menstrual. O Arcoxia é utilizado para reumatismo, gota, artrite, dor articular, cólica menstrual e em pós-operatórios.

As demais apresentações do Arcoxia (60 mg e 90 mg) não estão suspensas mas deverão ter suas bulas modificadas para conter advertências de segurança quanto a pessão alta e riscos cardiovasculares. O Celebra (Celecoxibe) da Pfizer também sofrerá alterações em sua bula, com novas restrições relativas ao tempo de tratamento e à utilização durante a gravidez e o período de amamentação.

Como o meu papel é também avisar os consumidores sobre assuntos relevantes, fica o recado: se você é consumidor do Arcoxia 120 ou do Prexige 400 procure o seu médico e peça para que ele efetue a troca do medicamento. Não suspensa o tratamento.

8 comentários:

Arthurius Maximus disse...

O Brasil continua sendo a lixeira do mundo. Corrupção pura. Afinal de contas nem em seu país de origem esses medicamentos são comercializados devido aos riscos que representam. Mas aqui...

inês de lima vieira disse...

eu sinceramente não entendo o porque dos animais serem covardementes sacrificados em laboratórios como cobais,se na verdade somos nós as verdadeiras cobaias.toda vez que um medicamento vem p/ o comercio,os seus efeitos verdadeiros, passam a ser conhecidos,quando usados por seres humanos.
os pobres animais, servem como faxadas.
gato,não é cachorro,macaco,não é homem,homem,não é rato,acordem,gente!!!!!

Têmis disse...

Mas que disco furado não é mesmo Inês...

Você come carne Inês? Ou é vegetariana? Come galinha? Sabe como se mata uma vaca? O sacrifício dela para que você coma é justificável mas o de um macaco para descoberta de novos remédios não é?

Você mata a alfacinha para comer Inês? Você a arranca da terra, de onde ela tira o seu sustento, para encher o seu corpo de nutrientes?

O fato de você comprar a carne/vegetal no supermercadinho não a isenta do fato de que você está comendo algo que estava vivo e agora, graças a você, ele está morto.

Quanta hipocrisia. Tenho certeza que se um dia um filho teu tivesse um cancer ou uma doença para a qual não tivesse cura, você daria todos os animais do mundo em uma arca para que não visse seu filho definhar em um leito.

Inversão de prioridades. Somente uma desgraça para fazer uma pessoa sair dessa névoa de fantasia em que alguns cidadãos teimam em viver.

Lamentável.

inês de lima vieira disse...

oi,nos encontramos de nôvo!e pela sua reação sinto que tenho conseguido atingir a sua consciência,pois,toda vez que exponho,maldade humana x crueldade com os animais,você fica muito irritada,isso é um bom sinal,significa que estou fazendo-a pensar no assunto e quem sabe...
respondendo a sua pergunta:
eu sou,ovo,lacto vegetariana,ou seja,não consumo nenhum produto animal.produtos de limpeza,embelezamento e outros de empresas que testam em animais,são vetados por mim e por qualquer outro vegetariano.
quanto a alfacinha,o brocoliszinho e outros vegetais,não precisa se preocupar com eles não,porque o vegetal é destituido de sistema nervoso(neurônios),por isso,não pensam,e não sentem dor.já que esclareci,você pode entender porque os comemos sem culpas.
quanto a um filho meu vim a ter um câncer e eu ser a favor da crueldade com os animais por uma esperança de cura.devo imformá-la que mais uma vez,você esta totalmente errada.NÃO SE SALVA UMA VIDA,SACRIFICANDO OUTRAS.
EU SOU A FAVOR SIM,JÁ QUE OS BENEFÍCIOS SÃO P/ OS HUMANOS,PORQUE NÃO USAR OS PRÓPRIOS COMO COBAIAS CONSCIÊNTES?POIS,O CONTRÁRIO JÁ ACONTECE,SÃO COBAIAS E NEM SABEM,ficando os animais para servirem de pano de fundo.
VOCÊ SABE DO PORQUÊ DESSE MÉTODO DE PESQUISA COM ANIMAIS E FALHO???
É MUITO MAIS BARATO!!!E MESMO PORQUE, EXISTEM VOCES(COBAIAS IGNORANTES) PRA QUE AO LONGO DOS ANOS A CIÊNCIA VÁ REPARANDO SEUS ERROS.
A GRANDE VERDADE É QUE NOS DIAS DE HOJE ESSA CRUELDADE É TOTALMENTE DESNECESSÁRIA,A NÃO SER PELO PONTO DE VISTA FINANCEIRO.
BEM,MAIS UMA VEZ FICO FELIZ DE PODER RESPONDER A TODAS AS SUAS PERGUNTAS.ALGO MAIS????
agora eu te faço uma pergunta:
em nome dessa espécie(humana) que você julga ser tão superior,você daria UM FILHO SEU,OU SOBRINHOpra ser cortado em vida e sem anestesia e ser também eletrocutado,testado de várias formas cruéis???!!!
então porque os macacos,os cães,gatos e etc.???!!!!se a mesma dor que seu filho ou sobrinho iria sentir,é a mema que eles sentem!!!

Têmis disse...

Ines inês... joga a toalha amiga. Não participo de sua causa. Não penso duas vezes em tomar antibióticos que foram conseguidos através de pesquisas com animais e adoro um bom bife no almoço.

Minha notícia foi para os consumidores que visitam minha página. Já foi dada. Ponto. A intenção da matéria não foi tratar de animais cobaias ou não.

Não estou nervosa ou irritada, mas confesso que estou um tanto quanto cansada de seus comentários maçantes. A matéria não era sobre isso, mas você como uma boa "bitolada" trouxe o assunto à baila.

Procure um blog que seja do seu perfil e que divulgue notícias que sejam de seu interesse. Se este não traz informações que são úteis a você, simplesmente procure outro caminho.

Aqui você não convence ninguém. É meu último comentário para você. Todos os seus comentários que não versarem sobre o assunto da postagem serão deletados, como fiz com os outros.

Como já disse a você: aqui quem manda sou EU. Não vou permitir que vire zona. Vá zonear em outro lugar.

Até mais.

inês de lima disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Anônimo disse...

quero pedir a opinião de todos os magistrados, inclusive de pessoas que me chamaram de solteirona, pois tenho 4 filhos , marido, netos, e não o sou, e tenho uma criança de farol de rua como minha afilhada.
bem, não vou expor o que faço ou não
só a mim cabe......
mas, como proceder ao ser seguida pelo carro dos donos de shakira, que lentamente, e bem perto de nós, vem seguindo meus passseios noturnos, e falando com shakira, que logo ela vai voltar , e que ela não sofra tanto longe da ex família????
chegaram a parar na porta do meu prédio por 10 minutos, constrangendo a minha pessoa
advogados, não cabe aí, um processo de constrangimento????

Têmis disse...

Prezado(a) anonimo(a)

As perguntas jurídicas deverão ser feitas através do formulário tira-dúvidas que pode ser preenchido aqui: http://doutoraresponde.blogspot.com/2008/03/clculos-trabalhistas.html

Os comentários deverão versar sobre a matéria discutida, e que no caso é CANCELAMENTO DOS REGISTROS DE ARCOXIA E PREXIGE. Nada mais.